domingo, 21 de junho de 2015

SALADA NO POTE

SALADA NO POTE







As saladas em potes de vidro são práticas e simples de se fazer.
Fáceis de preparar, conservar e transportar, as saladas montadas em potes de vidro ganham cada vez mais novos adeptos. Inspirados em costumes da França e dos Estados Unidos a ideia é simples: uma refeição saudável, barata, prática e pronta para ser consumida a qualquer momento.
O importante é seguir a ordem dos ingredientes, usar produtos frescos, sempre conservando tudo em geladeira para que não estrague e, principalmente, usar sempre potes de vidro.

"O plástico contém substancias tóxicas como o  bisfenol- A e ftalatos, que passam para o alimento devido à variação de temperatura ou dano na embalagem e podem causar distúrbios no sistema endócrino, além de deixar o organismo mais sucetível a alguns tipos de câncer", explica a nutricionista Patricia Davidson.

Mas atenção: não é qualquer ingrediente que pode ser usado.
Os queijos, atum, frango desfiado ou outra proteina só devem ser incluídos para consumo no mesmo dia e com um transporte correto (em bolsa térmica, para não ficar muito tempo longe da refrigeração) pois podem azedar.
Molhos com iogurte também não são indicados em alguns casos, opte por algo mais simples como azeite e mostarda.
Na hora de montar, coloque o molho no fundo do pote para que ele não murche a sua salada. No meio, entram os ingredientes mais densos, primeiro os que podem ficar em contato com o molho como, grãos em geral e legumes seguido pelos mais leves e crus (que não devem encostar no molho). Por cima, entram as folhas que podem ser misturadas como agrião, diferentes tipos de alface, brotos e rúcula. Quando a fome bater, a ideia é comer no próprio pote, basta chacoalhar bem para misturar os ingredientes e o molho.

O molho deve ser o mais simples, recomendo o caseiro, tem algumas pessoas que colocam aqueles prontos, mas como todos sabem, os conservantes e a quantidade de sódio não é a melhor opção, então faça o seu próprio tempero. Normalmente eu uso, limao, sal, azeite que é o básico, as vezes acrescento uma pimenta e mostarda. Essa é a primeira camada.
Em seguida coloque os grãos, milho, ervilha, grão de bico, feijao..etc. Tomates se forem cereja pode coloca-los  mas devem estar inteiros assim eles se mantem, caso o tomate seja normal, retire a sementes e coloque numa camada mais acima e não em contato com o molho.
Na próxima camada normalmente coloco mais legumes ralados ou picados como cenoura, beterraba, rabanetes, cebolas, pimentão...etc.
É importante que todos os ingredientes estejam bem secos.
E na ultima camada vão as folhas, você ode colocar varias delas como, alface, agrião, espinafre, rúcula, misture o que der fica muito bom. Gosto de usar os repolhos branco ou roxo, mas ai nesse caso não coloco folhas verdes misturadas, apenas um ou os dois repolhos.
Alguns dizem que milho, ervilha, tomate não é para ficar em contato com o molho, mas eu coloco e da certo.
Segue algumas sugestoes de montagens;


Algumas dicas importantes;
- Pimentão – prefira o vermelho ou o amarelo são mais digestivos e retire as sementes e a parte branca.
- cebola – normalmente eu corto em rodelas ou pedacinhos e deixo sobre um papel toalha para ficarem bem sequinhas.
- as folhas devem ser bem lavadas e higienizadas e bem secas também, é importante isso, pois as folhas são as primeiras que murcham.
- Particularmente não coloco frutas e proteínas como carnes, ovos, queijos, atum... etc, na salada de pote, não tentei então não sei se elas se conservam e/ou estragam. Recomento que frutas e essas proteínas citadas, sejam adicionadas no dia que for consumi-las.

Elas duram ate 7 dias na geladeira, eu faço e dura mesmo, desde que respeite as camadas e o pote seja de vidro e fique bem vedado e deixe na geladeira.

Na ultima camada depois das folhas as vezes gosto de colocar, amêndoas inteiras ou picadas, nozes, gengerlim, chia, uva passa...entre outros.

Espero que tenham gostado e aproveitem as dicas.
Duvidas deixem aqui embaixo que responderei assim que possível.
Beijos